um desenho e um poema

coisas como a paz

e à noite trazer devagar a lua até casa

redimir a culpa do corpo

coser um fato branco para a última ceia.

com um desejo sempre de ti

ligo-me ao vulto da súplica

derivando estrelas pela noite.

não te ser um único amigo constante

ser-te o tempo novas palavras e outras coisas

como a paz

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s