Ovelinha dá-me lã

20140104-164659.jpg

20140104-164707.jpg

Temos estado a ler esta história. Para além de ser uma história muito simples e doce, eles adoram e ajuda-os a perceber a origem das coisas. vivemos numa cultura em que tudo já está feito, não há espaço nem tempo para perceber que uma camisola não foi sempre uma camisola – ainda houve a meada e ainda houve um memé por aí que deu o seu pelo para a nossa lã – que um pão não foi sempre um pão e que antes ainda houve farinha e antes da farinha ainda houve o trigo e alguém que o plantou.
Gosto que os meus filhos saibam intrinsecamente estes percursos, e é essa uma das razões pela qual cá em casa tentamos fazer tudo o que podermos e andar para trás no percurso das coisas o máximo que conseguirmos.
Esta história é portuguesa, escrita por alguém que partilha comigo o gosto pelo tricot, e provavelmente pelas ovelhas.
Sabem a história de cor, de tantas vezes já lhes li, mas continuam a ter perguntas. Diz o Jacinto preocupado, com ar de que se a resposta for negativa não volta a vestir uma camisola ” oh mãe o pelo delas cresce outra vez ou ficam sempre com frio?”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s