Junho

    

 

Chega ao fim mais um ano lectivo. Acho que é com anos lectivos que nos apercebemos da rapidez com que tudo acontece. Junho após Junho. Já passou para a primeira classe. Junho após Junho. Já passsou para a segunda classe. Junho após Junho. Terceira classe.
E pensamos, como é possivel ter um filho na terceira classe? (O que me vale é que tenho mais três, que nem andam ainda na primeira… Ufa…)
Adoro Junho. Desde pequena que é o meu mês preferido. Adoro ver Lisboa cheia de jacarandás, sentir o cheiro das primeiras sardinhas e dos dias compridos. Adoro dormir de janela aberta e ouvir vozes e risos lá fora, noite dentro. Adoro os santos populares, as ruas enfeitadas e as pessoas a chinelar  de dia e  de noite.
A minha família entra num resgisto muito diferente, agora só em Setembro é que volta a “assentar”. Agora, só pensamos em praia, em praia e em praia (e também em caracóis, sardinhas e cervejas).
Não ligo às rotinas, nem nossas nem deles. A escola passa para segundo ou sétimo plano (apesar de ainda não ter acabado). Já estamos todos cansados, as crianças cansadas da escola, os adultos do trabalho. Só queremos ir de férias e mandar tudo à urtigas.
 Os recados da escola ficam por ler, tudo fica bagunçado e desorganizado. A imensidade de reuniões, festas e viagens, a marcar o fim de mais um ano lectivo, faz com que de repente me sinta uma péssima mãe, desorganizada e pouco presente. Não consigo estar em tudo, não consigo não baralhar  datas nem chegar a horas a tudo a que me  proponho.
Hoje, era festa do final de ano do Jacinto. Tinha de levar uma t-shirt branca e chegar as 9.15 e já agora, ter a família a assitir. Chegou Às 9.30 de t shirt azul e sem família para assistir. Fiquei desfeita e de coração pequenino a perceber a minha falha: não confirmei com a professora (como normalmente faço) e ele coitadinho enganou-se a escrever a data da festa… trocou 12 com 11. Mas, o que hei de fazer… Estamos em Junho!
Anúncios

3 thoughts on “Junho

  1. Acho que temos muito em comum e só tenho 3 filhos…nesta fase e plenamente de acordo “A escola passa para segundo ou sétimo plano (apesar de ainda não ter acabado). Já estamos todos cansados, as crianças cansadas da escola, os adultos do trabalho. Só queremos ir de férias e mandar tudo à urtigas.”
    Temos falhas…muitas, mas AMOR acima de tudo! Muito amor por eles…e isso deve ser mais que suficiente para colmatar MUITAS destas nossas falhas.
    Adoro ler-vos!

  2. Pois é. É difícil dar conta de tudo. Eu também tenho dificuldade. Entre papelinhos para assinar, dinheiro para pagar as visitas de estudos, SMS’s a confirmar festas de anos, papéis para inscrições, camisola x no dia y… é de loucos. Eu tenho por vezes a impressão de que a escola se tornou muito mais complicada. Até para os pais. Quero dizer, não é feita à medida dos miúdos e sobra imenso para os pais… por isso aqui por casa também dissemos UFA.
    UFA!

  3. Identifico-me com tudo o que escreve, o tempo passa a uma velocidade que não consigo apanhar, como eu queria que tudo fosse mais demorado, as manhãs maiores, os almoços…. já passamos tão pouco tempo com os filhos,,, os meus vão para 0 6º e 11º ano e eu também pergunto como é possivel se ainda ontem estavam no infantário? E agora outra pergunta: Como é possivel que ainda assim existam pais e mães neste Mundo , que queiram que os filhos tenham escola o ano inteiro, com um único mês de férias? O ano interio sentados numa secretária até á exaustão? Dá que pensar…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s