De semana em semana afino a situação

img_5397img_5394img_5396img_5395

Ando a tentar cumprir meu o plano anual de não ter plano.  De semana em semana penso como poderei ter uns dias mais simples mas ao mesmo tempo mais cheios. Percebi que a inércia faz-me mal. Sou mais feliz com mil afazeres, multitasking e uma lista grande  e ambiciosa de “to-do´s ” semanais. E, embora adore um belo serão deitada no sofá a ver séries (e agora com Netflix oferecido pelo meu pai, andamos viciados a ver  Stranger things – tão boa!!!) gosto de alternar estes serões com uma noite de costura, de jantares de amigos, de copos ou de tricot.
Comecei  a perceber que não tenho feito muito três coisas que sempre me deram muito gosto: correr, costurar e escrever aqui. Farta de desculpas que isto e que aquilo, resolvi pôr mãos à obra. Não posso pensar que é um compromisso, fico logo arrepiada, não me dou bem com compromissos nem obrigações, sinto-me claustrofóbica. Mas, se olhar para estas  coisas como os meus hobbies penso ” o que é que estou a fazer deitada no sofá ou a dormir mais meia hora de manhã?!
E, na verdade, pode parecer estranho, mas tenho mesmo um prazer gigante em ver as minhas tarefas cumpridas.
Em Dezembro, comprei uma flanela enorme para, com a minha cunhada Carmo fazermos umas roupas para os primos vestirem no Natal. Ela, impecável, fez uns macacões para as meninas e uns calções para o mais novo. Passámos o ano e o meu tecido ali continuava, direitinho como saiu da Retrosaria.
Comecei a pensar o que poderia fazer com aquela flanela bonita. As meninas já não gostam muito de vestir vestidos. Os rapazes usam pouco camisas . Na verdade, o que eles precisam mesmo é de camisolas, calças de fato treino e…. pijamas quentinhos! É isso!!! quem não quer um pijama de flanela portuguesa feito pela mãe?! Bem sei que, se fosse à Primark compraria um por menos de 10€. Mas não é esse mesmo o desafio? Tentar não comprar aquilo que foi, provavelmente, fabricado por mãos de crianças ou adultos explorados?? Não podemos esquecer tudo o que está por detrás desses pijamas. Nunca. Nem mesmo quando não temos alternativa e temos de os comprar temos de ter presente e estar conscientes do que  estamos a comprar.
O pijama ficou perfeito (modéstia à parte…) quentinho e confortável como se quer um pijama. Agora… tenho os outros três a quererem um igual mas, antes tenho um menino a fazer 11 anos e a pedir uma camisola azul e laranja para os anos. Por isso… parece que ainda tenho com que me entreter esta semana…
Alternando entre manhãs de ronha (ronha relativa que Às 7 horas temos de acordar) e manhãs de corrida. Entre noites de costura e noites de sofá sou, tenho a  certeza uma mulher mais feliz. Porque às vezes pensamos pouco naquilo que nos dá prazer e muito no tempo que precisamos de descansar ou trabalhar.
E por aqui… preciso da vossa ajuda! Ando sem ideias sobre temas para escrever, sinto que é tudo  repetitivo e às vezes é só isso que me faz não escrever.
Podem dar-me sugestões?
Anúncios

14 thoughts on “De semana em semana afino a situação

  1. Receitas boas e saudáveis, dinâmicas familiares, programas giros, formas de poupar, reaproveitar e de proteger o nosso ambiente. Formas de ajudar quem precisa. Mostre-nos um bocadinho do seu (inspirador) dia a dia!

  2. Olá Maria,
    Escreve sobre o que tens na cabeça, mas filtrado pelo coração.
    Não te deixes levar pelos temas da moda.
    Estamos fartos de bloggers a opinar sobre tudo e sobre todos. Vazias, patrocinadas, que só se preocupam com a imagem do corpo disfarçada de “aceita-te como és”.
    Escreve sobre esses desafios, simples e comuns. De mãe, de mulher, de cidadã, de praticamente do tempo vivido devagar.
    Beijinhos e mostra mais, apenas isso.
    Claudia

  3. O pijama está muito giro, adoro.
    Gostava de te perguntar como geres a relação entre os teus filhos. Os meus mais velhos têm 11 e 8 anos e andam sempre pegados a discutir. Meus Deus uma canseira.
    Sobre os temas, receitas para familias numerosas são sempre bem vindas 🙂
    Series do Netflix também (sou viciadissima)
    Poupança na economia domestica, programas em familia no inverno quando chove.
    Tudo de bom

  4. Escreva o que escrever a Maria é uma inspiração! Nunca deixe de ser assim. Quando vejo pessoas e famílias como a sua fico feliz. Fico feliz porque tenho esperança num mundo bem melhor e fico feliz porque às vezes penso que sou extra-terrestre, sinto que estou fora do contexto da sociedade actual. E depois encontro pessoas como a Maria e sinto-me “em casa”. Só em 2017 descobri este blogue, mas acho que já o li de fio a pavio. Comprei o seu livro e um dos desafios era começar a fazer pão e iogurtes em casa com regularidade. Graças a si já não compro pão nem iogurtes. Outros passos se seguirão pois estou muito empenhada na redução drástica de lixo, pois é uma coisa que incomoda seriamente. Já não tenho filhos pequenos, estou na idade dos avós embora os netos ainda não tenham chegado. Tive a sorte de poder deixar de trabalhar mais cedo que o normal e decidi a partir dessa altura “viver mais devagar”. Continue a inspirar-nos e a motivar-nos para sermos cada vez melhores seres humanos e para que nós possamos também passar a palavra e dar o exemplo. Obrigada Maria!! Célia

  5. Olá Maria o pijama é giro, usaste molde, se puderes partilha?
    Eu gostava que fizesses mais posts de refeições, partilha as tuas ideias saudáveis, fáceis e rápidas eu adoro.
    Também porque aqui em casa somos cinco mais dois (cão e gato) e o melhor é chegar a casa aproveitar algo que tenha no frigorifico e recriar uma bela e saborosa refeição. Beijinhos

  6. Maria gosto tanto do teu blog . Gosto muito do que escreves e muito mais do que nos ensinas . Nunca imaginei fazer um vestido para a minha filha e a verdade é que fiz ficou lindo ela adorou e tu foste a minha fonte de inspiração e coragem . Obrigada pelo que partilhas. Beijinhos.

  7. Apesar de já ter comprado e lido o livro, sinto que há sempre mais e mais para aprender consigo. As fotos das bolachas de ontem no Instagram deixaram-me a babar!!! como é que é possível ter aquele cenário, miúdos entretidos e participativos, receitas saudáveis e com variações!!!! Deixe nos por favor a receita, com as quantidades que usa para essa quantidade de bolachas e para quanto dão.

  8. Olá Maria, mais um post inspirador este 🙂
    Olha, um tema interessante que poucos blogs abordam é a profissão, o que faz a pessoa de segunda a sexta (infelizmente o que nos ocupada a grande maioria do tempo)
    Acho que tendemos a achar que a vida é o que se faz depois dessas 8h diárias, mas encontrar razões que nos façam gostar delas, relembrá-las e partilhas, podia ser um tema interessante.

  9. o pijama está mesmo lindo! depois com esse modelo maravilhoso… podes escrever sobre livros, leitura para adultos( ou não), nunca sei o que se anda de melhor a ler e tenho dificuldade em escolher quando vou as livrarias

  10. Olá Maria! Parabéns pelo blog e pela partilha das suas ideias e preocupações! Uma sugestão para possível post: a reciclagem vista pelos idosos. Eu fico sem saber como reagir perante pessoas mais velhas (os meus pais e pessoas da idade deles) que não ligam nada, não fazem o mínimo esforço por colocar um simples plástico no contentor amarelo…espanta-me a resistência que têm por fazer algo que não estão acostumados!? Será só por causa da idade?

  11. Olá Maria! Primeiro, o pijama do miúdo está fantástico!… de facto, devia também virar-me para a costura (estou sempre a repetir isto!), é que se assim fosse também podia fazer uns pijamas cá para casa, por exemplo. Segundo, sobre o que escreves, gosto de te ler precisamente porque não tens qualquer tipo de pretensão a não ser a partilha de momentos que abraças e que acabam, de uma maneira ou de outra, por inspirar quem te lê. A forma como sentes e vives o mundo é o que te define também como blogger. Provavelmente nem tens que te preocupar com temáticas, apenas falar sobre o que te apetece falar, digo eu. De qualquer forma, li os comentários, e vejo que já tens uma panóplia de possibilidades, desde que te apeteça debruçar sobre os assuntos, claro está. Continua aí desse lado a partilhar o que te apetece e quando apetece.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s